Skip to content


Fashion through the eyes of a child

Fashion through the eyes of a child

For me there is nothing like a school uniform. Your children’s clothes are spared, there are no complaints in the morning about the clothes we want them to wear and there is a common culture in the school. The uniform doesn’t just give our kids something to wear it gives them an identity and a sense of belonging. The uniform can be part of the values that we set out for their lives. These are not supposed to limit our children’s actions, it’s something that they can hold on to in order to grow up feeling safe, a guidance that they can use until they are mature enough to set out their own standards.

kids 7

Now, regarding their perception of what we wear, it’s really comforting to feel that most of the time we don’t have to look good for our children we just have to be there for them.

I have that feeling every time that I reach the school, running because I don’t want to be late for that particular play and I feel sick, exhausted and that my hair is all over the place, and when I finally see my child on the stage, I get a smile and a look on the face that feels she is looking at the most beautiful person on Earth!

baby ballet 111

[It’s always worth to get out of work (when possible) and bend over backwards to see my children’s activities in school.]

However, they will recognize a good look when they see one! Most of the time they like what, they are used to seeing. My guess is that they absorb everything around them and end up liking and feeling more comfortable with what they can relate to. It’s the examples they have and the standards that we set out for them in life that build their vision and opinions.

It’s also interesting to see how different stages in their development change the way they react to my clothes. The same outfit may be cheesy in the eyes of my oldest while the little one will say that I look like a princess. I can even guess what their comments will be, it’s so funny!

The link between a parent and a child can be so strong that communication goes beyond speech and one can sense how the other will react in certain situations. However, it takes time to build such a connection. Time to play and time to reprehend, time to say yes and time to say no….

Something that I always have in hand at home is the Carnival suits. They love dressing up, especially when friends come over.

kids 6

And it’s amazing to see how their developing personalities are reflected by what they match and by their choices!

If you look at the many definitions for fashion in the dictionary, one of them is: the prevailing style (as in dress) during a particular time.

So, in my opinion, for children, their ever changing prevailing style is a result of their own personalities, their growth and of course what we expose them to.

_________________________________________________

Joana LA 1About The Author

Joana Lopes Aleixo Cumbre

Joana is an agronomist in Portugal, and a mother of two beautiful and full of life girls. When she´s not working, usually during the weekends you can spot her at her countryside family home in Alentejo, her special place, where with her husband and daughters they rest and relax to recharge batteries.

….

Para mim, não há nada como um uniforme escolar. As roupas dos nossos filhos são poupadas, não há reclamações durante a manhã sobre as roupas que queremos que eles vistam e há uma cultura comum na escola. O uniforme não dá apenas aos nossos filhos algo para vestir, dá-lhes também uma identidade e um sentimento de pertença. O uniforme pode ser parte dos valores que estabelecemos para suas vidas. No entanto, isto não é suposto limitar as ações dos nossos filhos, é algo a que eles se podem agarrar no sentido de crescerem sentindo-se seguros, uma orientação que podem usar até que estejam crescidos o suficiente para estabelecerem os seus próprios padrões.

Em relação à perceção que os nossos filhos têm do que vestimos, é realmente reconfortante sentir que, na maioria das vezes, não temos que estar um máximo, só precisamos de estar lá para eles.

Eu tenho esse sentimento sempre que chego à escola, correndo porque não quero chegar atrasada para um determinado espetáculo e às vezes até me sinto doente, e exausta e sei que o meu cabelo está virado do avesso, mas quando finalmente vejo as minhas filhas em palco, e recebo um olhar com um sorriso no rosto, fico a sentir que elas estão a olhar para pessoa mais bonita da Terra!

[Vale sempre a pena sair do trabalho (quando possível) e inclinar-me para trás para ver as atividades das minhas filhas na escola.]

No entanto, elas vão reconhecer um bom look quando vêm um! Na maioria das vezes elas gostam do que estão habituados a ver. Elas absorvem tudo ao seu redor e acabam por gostar e se sentir mais à vontade com o que se podem relacionar. São os exemplos que elas têm e os padrões que estabelecemos para elas na vida que criam a sua visão e as suas opiniões.

Também é interessante ver como diferentes estágios do seu desenvolvimento mudam a maneira como elas reagem às minhas roupas. A mesma roupa pode ser “pirosa” aos olhos da minha filha mais velha, enquanto que a mais pequena vai dizer que eu pareço uma princesa. Posso até adivinhar quais serão os seus comentários, é tão engraçado!

A ligação entre um pai ou uma mãe e uma criança pode ser tão forte que a comunicação vai além do discurso, que podemos sentir como o outro irá reagir em determinadas situações. No entanto, leva tempo para construir uma ligação deste tipo. Tempo para brincar e tempo para chamar à atenção, hora de dizer sim e hora de dizer não…

Uma coisa que eu tenho sempre à mão em casa são os fatos de carnaval. Elas adoram mascarar-se, especialmente quando as amigas se juntam para brincar lá em casa.

E é incrível ver como suas personalidades em desenvolvimento, são refletidas pelas conjugações que fazem e pelas suas escolhas!

Se olharmos para as muitas definições de moda no dicionário, uma delas é: o estilo predominante (como no vestido) durante um determinado tempo.

Por isso, na minha opinião, para as crianças, o seu estilo predominante em constante mudança é resultado de suas próprias personalidades, do seu crescimento e, claro, a tudo aquilo a que as expomos.

_________________________________________________

About The Autor

Joana Lopes Aleixo Cumbre

A Joana é uma Engenheira Agrónoma portuguesa e mãe de duas bonitas raparigas cheias de vida. Quando não está a trabalhar, geralmente durante os finais de semana, podemos encontrá-la na sua casa de família no Alentejo, o seu lugar especial, onde com o marido e as filhas descansam e relaxam para recarregar as baterias.